sexta-feira, 12 de outubro de 2007

Cordelzinho

A menina descobriu
Pelo mundo virtual
Aquela face bonita
Do seu par ideal


Foi assim, de repente
Ela lhe mandou um recado
Dizendo, sutilmente
Ele era do seu agrado



Para sua surpresa
O rapaz lhe respondeu
Com toda delicadeza
Parecendo um Romeu


E o primeiro encontro
Aconteceu naquela cidade
Marcaram naquele ponto
Pra viver a mocidade


Os dias se passaram
E os dois continuavam
A viver aquela história
Aqueles dias de glória
Que o tempo desafiavam


Mas então chegou o dia
Acabou-se a alegria
A moça se despedia
Da paixão que conhecia


O rapaz se foi pra longe
Foi fazer a sua trilha
Tão perto e tão distante
Caminhou milhas e milhas


E assim é que esses versos
Retratam os dias bonitos
A despedida é o reverso
Daqueles momentos lindos


Mas que terão que ficar
Pelo menos, pra lembrar
Da direção que estão indo.

2 comentários:

Bruno disse...

Oi Vivianne,
Menina, estou virando seu fã. Adorei o cordel. Me identifiquei muito com a historinha.
Beijo

Victor disse...

Vc tem muita criatividade,Vivi,
parab�ns!
Muito bom o cordel!